Archive for the ‘Four Season Carmelo’ Category

Charme da Finca Narbona

maio 19, 2010

Imagine um lugar pertido no mapa e no tempo. Finca Narbona, lugarzinho escondido, mas que reserva grandes surpresas para aqueles que decidem por uma visita.

A adega fica na cidade de Carmelo a 7Km do Hotel Four Seasons. Basta agendamento com 1 dia de antecedência que uma van da vinícola vai buscar no hotel sem custo nenhum.

A especialidade do restaurate são os queijos deliciosos caseiros e as massas feitas lá também. Nossa opinião foi que, o lugar acaba deixando a comida mais saborosa. O vinho também, escolhemos a melhor safra da uva local mais famosa: Tana. O rótulo bem envelhecido, taças lindas, tudo quase perfeito, não fosse o vinho muito ácido e meio amarguinho… eu pessoalmente não gostei, mas valeu pela experiência!

A mesa escolhida foi na varanda chamosa, clima romântico bem bucólico. Climão de “Poderoso Chefão” na cidade de Corleone, deixa qualquer um encantado. Faz bem pra alma!

Depois do almoço fomos conhecer a produção de vinhos. Tudo super rústico, só faltou o vinho ser armazenado naqueles tonéis de carvalho…

E assim passamos o dia…

Este dia me lembrou os dias em Sta. Ynez Valley na California… Só que com minha uva predileta: Pinot!!!! 🙂

Anúncios

Bienvenidos a Carmelo!

maio 18, 2010

 

Tem aquela piada que diz que casamento é como piscina gelada, quando você entra sempre diz: “pode entrar ! Tá uma delícia…” . Eu não concordo! Não me enxergo mais feliz do que neste 1o ano de casada! E olha que de dona de casa eu não tenho absolutamente NADA! Barberagem atrás de barberagem… haha

E para comemorar esta data única, decidimos conhecer a cidade de Carmelo no Uruguai e o famoso Four Seasons de lá.

Chegamos em Buenos Aires para almoçar e seguir direto para o Ferry Buquebus em Puerto Madero. Decidimos almoçar no El Mirasol em Puerto mesmo para não haver imprevistos com trânsito que está bem travado nesta área na hora do rush.

 Fomos dar uma voltinha na Ponte de la Mujer de Santiago Calatrava, um dos meus arquitetos prediletos.

Depois de aproveitar a tarde super ensolarada, seguimos a estação do Buquebus. Uma estação mais informal, despojada. Adorei!

E o melhor, 1 hora de free shop dentro do barco!

Chegamos em Colonia del Sacramento já estava escuro. Declinamos a oferta de taxi enviado pelo hotel, mas nos arrependemos profundamente!!! Pagamos o equivalente a 120 dolares no taxi comum e o oferecido pelo hotel a 80 dolares. Mas como estava frio e de noite achamos melhor não ficar aguardando tanto tempo. Trajeto 1 hora até Carmelo.

Chegamos então ao paraíso!  FOUR SEASONS CARMELO

Recepção com chá de maçã com canela e gengibre, e quarto quentinho já pré climatizado para chegada numa noite fria.

 

Tudo muito charmoso, perfeito para uma 2a lua de mel. A perfeiçao se via em todos os cantinhos, nos detalhes dos detalhes, na forma de se dobrar as toalhas, de se dispor o sabonete na banheira, o sachezinho de cetim e tule no closet, e claro, no atendimento show!

Logo no primeiro dia, com minha Nikon nova saída da caixa, tive um acidente e a caixa óptica da câmera trincou… fiquei chateada, como estar num lugar tão lindo e não poder tirar 1 foto sequer? Foi aí que entrou o Four Season way of serve… Na tentativa frustrada de achar uma lojinha de foto naquela cidadezinha no meio do nada, o front desk se dispôs a emprestar a câmera do hotel. Juro, foi assim mesmo! Sem preguntar pra gerente nenhum, ou qualquer encarregado! E mesmo assim, eles não estavam encontrando a tal câmera, quando Adrian do Food and Beverages disse assim: “caso não encontre aí no front desk, vou lá no meu quarto pegar a minha”. Pode isso??? Pode ser a combinação cidade minúscula+FourSeason tenha dado este resultado, mas quero acreditar que além de pessoas boas, eram pessoas muito bem preparadas! Gracias Leonardo e Adrian! Sem vcs nem este post estaria completo.

Esse dulce de leche é sacanagem…

E a piscina, linda demais! Mas o clima já estava friozinho… Passamos a tarde curtindo o hotel.

 

Não bastasse tudo perfeito, tinha ainda a massagem perfeita com produtos Issey Miyake no Spa.

E a piscina coberta mais charmosa que já vi!

A praia não é lá essas coisas… quer dizer, é até bem feinha, mas o pôr do sol compensa TUDO!!!

Dia seguinte: andar a cavalo no rancho do hotel ao lado do campo de golf.

Dia perfeito! Vale mencionar que todas as noites jantamos no hotel! Comida é boa, porém bem cara. Carta de vinhos boa, porém também muito cara.

Tenho que mencionar: não gostei nem um pouquinho da uva cultivada nesta área – Taná. Não sou somelier nem nada, simplesmente gosto do que é gostoso! 🙂  

Ainda tem um passeio muito bacana que fizemos: Finca Narbona. Mas este fica para próximo post!

Dedico este post a vc, Paulo, meu marido lindo! Estes momentos só tem sentido quando está ao meu lado para compartilhar! Te amo mais a cada dia!